ATIVIDADES

Durante o ano letivo 2020/2021, alunos que frequentam a disciplina de Física de 12º ano, no Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres, irão construir um robô submarino, integrados no projeto ROV4ALL.

Esta atividade destina-se a promover a curiosidade sobre um tema científico que poderá/deverá ser posteriormente tratado em contexto letivo, mais formal.

Visita de estudo ao CERN de alunos do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres, de Quarteira, realizada entre os dias 9 e 12 de janeiro de 2020.

Visita de estudo ao CERN de alunos do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres, de Quarteira, realizada entre os dias 29 de maio e 1 de junho de 2019.

Visita de estudo ao CERN de alunos do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres, de Quarteira, realizada entre os dias 25 e 28 de maio de 2017.

No dia 24 de fevereiro de 2016, pelas 15 horas, alunos do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres participaram, por videoconferência, numa visita virtual à experiência CMS instalada no LHC, no CERN.

A equipa 'Notos', constituída por alunos do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres, participou na Competição CanSat Portugal 2016.

Durante o ano letivo 2014/2015 alunos do 12ºA do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres participaram neste projeto através da construção e utilização de um detetor de radiação ultravioleta.

A equipa 'Dustbusters', constituída por alunos da turma de Física do 12º ano do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres, foi uma das equipas selecionadas para a final da Competição CanSat Portugal 2015, que decorreu entre os dias 1 e 3 de maio de 2015, no Aeródromo de Torres Vedras, na Praia de Santa Cruz.

No dia 11 de março de 2015 o Professor Manuel Paiva deslocou-se à Escola Secundária Drª Laura Ayres, escola sede do Agrupamento de Escolas Drª Laura Ayres, em Quarteira, para conversar com alunos do ensino secundário e alunos do ensino básico que participam na Missão X (atividade promovida pela ESA/ESERO Portugal).

No dia 25 de fevereiro de 2015, pelas 15 horas, alunos e professores do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres participaram, por videoconferência, numa visita virtual à experiência CMS instalada no LHC, no CERN.

No ano letivo 2013/2014 os alunos do 12ºA do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres participam nas seguintes atividades: deteção de radão no ambiente, reprodução da experiência de Becquerel e a construção e utilização de um detetor de radiação infravermelha.

Esta atividade foi desenvolvida por 4 alunos do Agrupamento de Escolas Dra Laura Ayres, em Quarteira, para participar na competição nacional CanSat Portugal.

Ciencia en Acción é uma iniciativa de várias instituições espanholas que pretende aproximar a ciência e a tecnologia do grande público. A participação está aberta a professores, alunos e divulgadores de ciência de Espanha, Portugal e países latino-americanos.

CanSat é um projeto da ESA - European Space Agency (Agência Espacial Europeia) para a construção de micro satélites por alunos do ensino secundário e no ano letivo 2012-2013 acompanhei um grupo de alunos da Escola Secundária de Loulé na montagem de um destes dispositivos.

OAUC (Observatório Astronómico da Universidade de Coimbra) lançou o desafio: criação de uma atividade para realizar com alunos e partilha da mesma no Mini Congresso Solar, realizado em 9 de junho de 2013, nas instalações do Observatório.

Fui convidado para apresentar um workshop sobre o projeto Estrelas e Planetas no I Encontro Internacional da Casa das Ciências, para ensinar alguns participantes a construir o livro de astronomia associado.

O IASC (International Astronomical Search Collaboration) é um programa internacional que permite acesso de escolas à pesquisa de asteroides. Em Portugal estas campanhas são coorganizadas com o NUCLIO.

O Faulkes Telescope Project permite que alunos de escolas usem em tempo real telescópios localizados em diversas partes da Terra para obter imagens do céu.

Trabalho realizado pelos alunos do 9ºB da Escola E.B. 2,3/S Padre Maurício de Freitas Santa Cruz das Flores no ano letivo 2001/2002.

Web
Analytics Made Easy - StatCounter
visualizações | © Miguel Neta 2021